19 de jan de 2011

DE AGULHAS E LINHAS

19 de jan de 2011
.
Uma mulher formou-me um dia
(como se o houvera inventado)
De carreteis e linharia
E um pano branco costurado.
.
E então assim ela perfez,
Em seus trejeitos maternais,
No denso véu da gravidez,
As minhas formas naturais.
.
Mas vendo agora a estrutura
Eu compreendo que estava
Não nos trejeitos da costura
Mas na mulher que costurava.
.
FTO

0 comentários: